Home
Ananda Surya
Yoga
Yoga no Ananda Surya
Horários
Mantras
Dicas Ayurvédicas
Mensagem da Semana
Artigos
Vídeos
Indicação de Livros
Cursos e Eventos
Receitas
Fotos
Links
Contato
Blog Ananda Surya Yoga
       


por: Juciara Cabral

 A palavra chakra vem do sânscrito e significa "roda", "disco", "centro" ou "plexo".   São canais energéticos  dentro do corpo humano (nadis) por onde circula a  energia vital (prana) que nutre órgãos e sistemas. Existem várias rotas diferentes e independentes por onde circulam esta energia. Os chakras são os pontos onde essas rotas energéticas estão mais próximos  da superfície do corpo. Os vedas (2.000 a. C.) contêm os mais antigos registros sobre chakras de que se tem  notícia. Quando foram escritos, o yoga já sistematizava o conhecimento e o trabalho energético dos chacras.  São sete os principais chakras, dispostos desde a base da coluna vertebral até o alto da cabeça e cada um corresponde à uma das sete principais glândulas do corpo humano. Cada um destes chakras está em estreita correspondência com certas funções físicas, mentais, vitais ou espirituais.  Num corpo saudável, todos esses vórtices giram a uma grande velocidade,  permitindo que o "prana", flua para cima por intermédio do sistema endócrino. Mas se um desses centros começa a diminuir a velocidade de rotação,  o fluxo de energia fica inibido ou bloqueado - e disso resulta o envelhecimento  ou a doença.

                                                                          Os chakras são conectados     entre si por uma espécie de tubo etérico (Nadi) principal chamado "sushumna", ao longo do eixo central do corpo humano, por onde dois outros canais alternados "Ida" que sai da base da espinha dorsal à esquerda de sushumna e "pingala" à direita .    Os nadis conduzem e regulam o "prana" (energias yin e yang) em espirais concêntricas.

 O corpo físico e cada um dos chakras

 Nosso corpo físico tem uma ligação sutil com o mundo astral. É através do desequilíbrio desta energia vital que as pessoas adoecem  e acabam obstruindo esta ligação com o Divino. Daí, a relação entre as doenças e as crises emocionais.  É muito comum ver pessoas que acabam somatizando e transformando energias negativas, depressão, raiva, solidão, em doenças físicas, como cânceres e outras mais  graves.  Nosso corpo físico tem pontos, que quando ativados, fazem fluir a energia vital, nos trazendo alegria e, principalmente, saúde.  É através dos nadis (meridianos) - caminhos invisíveis dentro do nosso organismo - que a energia vital caminha por todo o nosso corpo e chega aos chakras,  em pontos que concentram vibrações mais específicas.

 Os chakras estão registrados em culturas antigas e referenciados como pontos energéticos utilizados para cura e progresso energético e Espiritual. A Acupuntura na China, o Yoga da Índia e outras culturas antigas tinham conhecimento destes pontos e de como trabalhar com eles era benéficio à saúde. Atualmente, com a universalização do conhecimento, existe a tendência a considerar a convergência dos conceitos das culturas indiana e chinesa sobre estes centros de energia (chakras), e os nadis. Os nadis seriam correspondentes aos meridianos chineses, assim como prana, ki e chi seriam nomes diferentes para a mesma energia vital. As pesquisas de Hiroshi Motoyama, em Osaka, com o campo eletromagnético humano, mostram a relação entre os meridianos e os nadis, bem como as alterações nas ondas  cerebrais durante a ativação dos centros ou chakras superiores.

 COMPREENDENDO O SIGNIFICADO DOS CHAKRAS

 Chakras são órgãos energéticos que absorvem a energia, transformando-a e redistribuindo-a entre os corpos. Através deles, também, são eliminadas as toxinas energéticas de todo o sistema. O chakra pode ser considerado, também, como uma "glândula energética" está relacionada com aspectos da aprendizagem da alma, que tem atuação sobre determinadas partes, órgãos e glândulas do corpo físico. Nos chakras é onde estão registrados todas as lembranças, traumas, bloqueios e padrões mentais e emocionais condicionantes do passado. São as "glândulas dos sentimentos e dos pensamentos" e representam a personalidade, a maneira de ser e de se expressar no mundo.
O que é chamado de doença no corpo físico é, apenas, um sintoma de uma disfunção no nível dos chakras e dos corpos energéticos. Quando o corpo físico adoece, a disfunção energética já existe muitos meses ou anos antes. A causa da doença não está no corpo físico, mas nos chakras, onde estão os padrões mentais e emocionais, ou seja, a maneira como nós vemos e reagimos às outras pessoas e aos eventos da vida.
 Os chakras se dividem naturalmente em três grupos: inferior, médio e superior.  Podem denominar-se respectivamente: fisiológico, pessoal e espiritual. Os chakras primeiro e segundo têm poucos raios ou pétalas, e sua função é transferir para o corpo duas forças procedentes do plano físico. Uma delas é o fogo serpentino da terra, e a outra é a vitalidade do sol. Os centros terceiro, quarto e quinto, que constituem o grupo médio, estão relacionados com forças que o ego recebe por meio da personalidade. O terceiro centro as transfere através da parte inferior do corpo astral; o quarto por meio da parte superior do mesmo corpo, e o quinto, pelo corpo mental. Todos estes centros, alimentam determinados gânglios nervosos do corpo denso. Os centros sexto e sétimo, independente dos demais, estão, respectivamente, relacionados com o corpo pituitário e a glândula pineal, e somente se põem em ação quando o homem alcança certo grau de desenvolvimento espiritual.

 Os chakras são divididos da seguinte maneira:   

1. MULADHARA


2. SWADHISTHANA
 


3. MANIPURA


4. ANAHATA


5. VISHUDDHA



6. AJNA



7. SAHASHARA


1-  MULADHARA


Nome em sânscrito: MULADHARA Bija Mantra: Lam.
Localização: Base da coluna.
Cor: Vermelho.
Elemento: Terra.
Funções: Traz vitalidade para o corpo físico.
Glândula: Supra-renais Plexo Nervoso: Coccigeal Área do corpo associada: Sistema eliminatório, supra-renais, ossos, pés, Pernas, cóccix Qualidades Positivas: Coragem, Estabilidade. Individualidade, Paciência, Saúde, Sucesso e Segurança.
Qualidades Negativas: Insegurança, Raiva, Tensão e Violência. Condições de saúde física: Problemas nos pés e pernas, obesidade, hemorróidas, Artrite, condições de Kapha tais como muco, constipação e ciática Condições de saúde psicológica: Estresse, fobia e ansiedade, medo relacionado a sobrevivência e abandono,consciência de escassez, letargia

2-  Swadhisthana


Nome em sânscrito: SWADHISTANA ("Morada do Prazer")
Bija Mantra: Vam.
Localização: 4 dedos abaixo do umbigo.
Cor: Laranja.
Elemento: Água.
Funções: Força e vitalidade física.
Glândula: Gônadas (ovários e testículos) Plexo Nervoso: Hipo-gástrico Área do corpo associada: Pélvis, lombar, sistema reprodutivo, rim, bexiga, próstata, sangue e linfa Qualidades Positivas: Assimilação de novas idéias, Dar e Receber, Desejo, Emoções, Mudanças, Prazer, Saúde e Tolerância.
Qualidades Negativas: Confusão, Ciúme, Impotência, Problemas da bexiga e Problemas Sexuais. Condições de saúde física: Impotência, frigidez, problemas no útero, bexiga ou rim, dor muscular, dor lombar, próstata, insuficiência do fluido sinovial nas articulações, TPM, cólicas, calores, sintomas da menopausa. Condições de saúde psicológica: Dificuldade nos relacionamentos íntimos, timidez, obsessões e compulsões, inclusive distúrbios alimentares

3- Manipura



 Nome em sânscrito: MANIPURA ("Cidade das Jóias")
Bija Mantra: Ram.
Localização: Zona da barriga (plexo solar) Cor: Amarelo.
Elemento: Fogo.
Funções: Digestão, emoções e metabolismo.
Glândula: Pâncreas Plexo Nervoso: Solar Área do corpo associada: Sistema digestivo, estômago, intestino delgado, fígado, pâncreas, vesícula, bexiga e baço
Qualidades Positivas: Auto controle, Autoridade, Energia, Humor, Imortalidade, Poder pessoal e Transformação.
Qualidades Negativas: Medo, Ódio, Problemas digestivos e Raiva. Condições de saúde física: Falta de energia, úlcera, problemas hepáticos, Diabetes tipo II, Hipoglicemia, Hipertensão tipo A, obesidade, inflamação. Condições de saúde psicológica: “borboletas no estômago”, enfraquecimento raiva, vergonha, depressão, baixa auto-estima, narcisismo

4- Anahata


Nome em sânscrito: ANAHATA ("Invicto"; "Inviolado")
Bija Mantra: Yam.
Localização: Coração.
Cor: Verde (cura e energia vital); Rosa (Amor).
Elemento: Ar.
Funções: Energiza o sangue e o corpo físico.
Glândula: Timo Plexo Nervoso: Cardíaco Área do corpo associada: Coração, pulmão, braços, mãos, ombros, coluna torácica, escápulas Qualidades Positivas: Amor incondicional, Compaixão, Equilíbrio, Harmonia e Paz.
Qualidades Negativas: Desequilíbrio, Instabilidade emocional, Problemas de coração e circulação. Condições de saúde física: Asma, bronquite, enfisema, câncer de pulmão, problemas  cardíacos, arteriosclerose, pressão alta, dor no peito Condições de saúde psicológica: Co-dependência, alcoolismo, depressão, ansiedade, solidão, isolamento, medo de conexão

5- Vishudda


Nome em sânscrito: VISHUDDA ("O purificador")
Bija Mantra: Ham.
Localização: Na garganta.
Cor: Azul claro.
Elemento: Éter.
Funções: Som, vibração, comunicação.
Glândula: tireóide Plexo Nervoso: Faríngeo Área do corpo associada: Garganta, ouvidos, narinas, dentes, boca, pescoço língua Qualidades Positivas: Comunicação, Criatividade, Conhecimento, Honestidade, Integração, Lealdade e Paz.
Qualidades Negativas: Depressão, Ignorância e Problemas na comunicação. Condições de saúde física: Dor de garganta, amidalite, dor no pescoço, Laringite, problemas de tireóide, de audição, metabolismo Condições de saúde psicológica: Dificuldade em manter uma pratica espiritual uma vocação, comunicação

6- Ajna


Nome em sânscrito: AJNÃ ("O Centro de comando")
Bija Mantra: Om.
Localização: Na testa, entre as sobrancelhas.
Cor: Azul índigo.
Elemento: Luz.
Funções: Revitaliza sistema nervoso e a visão.
Glândula: hipófise (também chamada pituitária) Plexo Nervoso: Corpo caloso Área do corpo associada: Olhos, hipotálamo (centro emocional do cérebro) Qualidades Positivas: Concentração, Devoção, Intuição, Imaginação, Realização da alma e Sabedoria.
Qualidades Negativas: Dores de cabeça, Falta de concentração, Medo, Problema nos olhos, Pesadelos e Tensão Condições de saúde física: Problemas oculares dor de cabeça, pesadelos, Vista cansada, visão ofuscada, problemas neurológicos Condições de saúde psicológica: Falta de consciência da dimensão espiritual da vida.

7- Sahashara


Nome em sânscrito: SAHASHARA ("O Lótus das mil pétalas")
Bija Mantra: Silencio.
Localização: No topo da cabeça, bem no centro.
Cor: Violeta e Branco.
Elemento: Todos os elementos.
Funções: Revitaliza o cérebro.
Glândula: Pineal Plexo Nervoso: Para além dos plexos nervosos Área do corpo associada:  Nível celular e genético Qualidades Positivas: Percepção além do tempo e do espaço. Abre a consciência para o infinito.
Qualidades Negativas: Alienação, Confusão, Depressão e Falta de Inspiração. Condições de saúde física: Identificação da doença como eu Condições de saúde psicológica: Identificação com qualquer aspecto corpóreo, denso ou sutil,como eu ou meu

Harmonização dos Chakras

  •  Mantras

1.OM Gam Ganapataye namah

2.OM Varunaya namah

3.OM suryaya namah / Savitri mantra (Gayatri)

4.OM Krishnaya namah

5.OM Kaliaya namah

6.OM Ishvaraya namah / So Ham

7.Silêncio

  • Aromas

1.Cedro, Sândalo, Canela, Patchouli, Gerânio

2.Sálvia, Jasmim, Rosa e Sândalo

3.Hortelã-pimenta,Alecrim, Gerânio, óleos  cítricos e Canela

4.Rosa, Jasmim, Lavanda e Laranja

5.Capim Limão, Eucalipto, Mirra, Sálvia, Sândalo,   Camomila alemã e Pinho

6.Violeta, Alecrim, Zimbro,Lavanda e Jasmim

7.Lótus, Lavanda e Olibano

  •  Alimentos Restauradores

1. Raízes, cereais integrais, derivados de leite, minerais, especialmente cálcio, nozes

2. Vitamina E, melão, pepino, grãos, sucos vegetais

3. Fogo excessivo: Legumes e sementes   

    Fogo insuficiente: Temperos apimentados, tais como gengibre, pimentas

4. Frutas, folhas verdes, sucos, chocolate e doces,   nozes e abacate

5. Jejum, jejum de sucos, lima, limão, folhas verde-escuro

6. Alimentação consciente, quantidade adequada no momento adequado.  

7.Prana

  •  Ferramentas de Cura

1. Hatha Yoga, caminhar descalço, rituais Nativos Americanos, banho de lama

2. Yoga em Movimento Fluido, natação, surfe e outros esportes   aquáticos, Massagens Ayurvédicas e linfática

3. Karma Yoga, psicoterapia, Yoga energético Yoga Nidra para aliviar o estresse.

4. Exploração do coração, purificação das emoções, Yoga restaurativa, sessões individuais de yogaterapia, relacionamento consciente.

5. Canto, mantras, contar estórias, escrever num diário, artes e mouna (silêncio).

6. JnanaYoga

7.  Meditação e devoção 

  • Posturas do Yoga

1. Posturas de pé, principalmente guerreiro I e II, Montanha, Árvore, Deusa, cócoras

2. Movimentos do gato, saudação a lua, pombo deitado,flexões para frente, cobra, barco

3. Torções da coluna, especialmente as torções de pé, arco, ponte, barco, prancha, guerreiro I, II e III, saudação ao sol, postura da cadeira

4. Peixe, camelo, pombo, criança, cobra, cachorro olhando para cima,     triângulo, Meia-lua, meia-lua em equilíbrio

5. Postura da vela, meia postura da vela, peixe, arado, Leão, torção deitada

6. Yoga Mudra, Lótus, cabeça de vaca, dançarino, torção sentada, arado, ponte, vela

7. Pouso sobre a cabeça, Yoga mudra

  •  Efeitos Terapêuticos da Meditação

1. Eliminação de comportamentos negativos, valorização dos instintos físicos e ligação com a natureza e o planeta.

2. Eliminação de conflitos ou preocupações sexuais, valorização do prazer.

3. Eliminação de comportamentos negativos, valorização da força de vontade.

4. Amor no sentido amplo.Vínculo microcosmo com o macrocosmo

5. Melhora nos julgamentos e comunicações.

6. Desenvolvimento das intuições. Interação com o Eu Superior.

7. Purificação dos corpos inferiores: físico, etérico, emocional e mental.


 
De acordo com a Organizacao Mundial de Saúde (OMS),
  "Saúde não é apenas a ausência de doença, ela corresponde ao bem-estar biopsíquico e social"

IMPORTANTE: Antes de iniciar qualquer tipo de terapia complementar, procure um profissional capacitado.



Copyright © 2006-2009 Juciara Cabral & Leandro Gomes. Reprodução autorizada com autorização por escrito dos autores.  



 
   
   
   
Top